03/02/2020

Economize antes e durante sua viagem de férias

Muitas vezes planejamos as férias primeiro e, só depois, paramos para descobrir de que maneira pagaremos por ela.

Mas neste 2020 você vai fazer diferente. Mude a ordem das coisas e estabeleça seu orçamento de férias antes de tudo. 

Organize-se para pagar o máximo de despesas à vista. Além disso, não se comprometa com nenhuma atração, gasto ou atividade que você não possa pagar.

Mas não é só isso!

A QuiteJá selecionou as principais dicas para você organizar as suas férias de ponta a ponta, sem sustos ou surpresas! 

Vamos lá?

Planeje os gastos

Comece examinando suas despesas nos últimos 12 meses, categorize os gastos e crie um orçamento com base em tudo o que você já gastou. 

Assim você tem certeza que a projeção dos seus gastos nas férias será algo próximo da realidade, e não despesas em cima do que você imagina que vai fazer.

Ative seus alertas

Configure alertas por smartphone ou e-mail, para que toda vez que o seu cartão seja usado você consiga perceber o volume de gastos.

Essa simples medida vai te ajudar a lidar melhor com as despesas. 

Uma vez que você tenha uma visão geral de todo o dinheiro que está saindo, o seu cérebro diz ‘Ok, acho que você está indo além do seu limite’.

Fora isso, essa é uma ótima medida de segurança contra fraudes e débitos indevidos.

Use e abuse da tecnologia

Nessa hora a internet é a sua grande aliada. Use o google para buscar blogs especializados de pessoas que já tenham tido experiências com coisas que você quer fazer e para lugares que você quer ir.

Então, comece a montar e detalhar o seu roteiro com simulações dos preços de passagens e hospedagens em aplicativos e sites como Decolar, Passagens Imperdíveis, Melhores Destinos, Skyscanner e Booking.

Separe um extra

Em situações de emergência, ter um dinheiro a mais guardado pode salvar a sua viagem. A gente sabe que o seguro saúde, por exemplo, é obrigatório para visitas à Europa e Estados Unidos.

Então, é claro, os gastos com saúde acabam sendo uma preocupação a menos. Mas mesmo assim, imprevistos acontecem. E na maior parte das vezes, quando estamos fora do país, acabamos não tendo a quem recorrer.

Se a viagem envolve filhos, então, o controle desse dinheiro deve ser redobrado!

Considere a baixa temporada

Organize-se com a sazonalidade a favor do seu bolso. Com um pouco de planejamento, você garante preços mais baixos e menos turistas disputando espaços em museus, parques, atrações e etc.

Além disso, se optar pelo sudeste da Ásia, Europa Oriental, África ou mesmo América Latina, poderá encontrar bons preços em acomodações e atividades. 

Há menos turistas na baixa temporada, e você pode desfrutar de outros tipos de atividades e paisagens.

Mas lembre-se: o que é considerado baixa temporada em um lugar, pode não ser em outro destino que você queira. 

Fique em hostels

Além de diárias mais econômicas quando comparadas com a de Hoteis e AirBnB, por exemplo, os hostels apresentam diferenciais únicos. 

Esse tipo de acomodação oferece uma atmosfera autêntica e para todos os gostos: hostels de festas, relaxantes, exóticos e por aí vai. 

As vantagens vão desde áreas comuns onde pessoas se encontram para compartilhar transportes, passeios, jantares ou atrações turísticas até a troca de experiências com pessoas de todas as partes do mundo.

O aplicativo do Hostelworld (gratuito) é um dos mais usados porque com ele você busca e reserva, diretamente, as acomodações mais baratas e com a melhor classificação no país em que deseja viajar.

Pesquise por ‘Tax Free’

Cada país tem um processo diferente, mas de maneira geral você pode receber de volta parte do dinheiro que gastou nas suas compras.

A primeira coisa a fazer é procurar por lojas “Tax Free”. Essa identificação significa que os produtos desse estabelecimento estão isentos de impostos.

Alguns exigirão uma compra mínima e você, geralmente, precisará apresentar o passaporte no caixa. 

Uma vez no aeroporto, antes de fazer o check-in, apresente-se no estande da declaração de impostos para concluir o processo.

Bom, agora que você está economicamente preparado para a sua viagem, é a hora de arrumar as malas e… partiu! 😉

QuiteJá

Posts Relacionados

Qual o melhor lugar para investir seu dinheiro?
QuiteJá | 24/01/2020

Deixe o seu comentário!