22/04/2020

Como não atrasar as parcelas do seu imóvel

O imóvel é como se fosse o nosso filho. Passamos horas planejando como vai ser cada detalhe: paleta de cores, móveis, eletrodomésticos, distribuição… Nossa, é uma delícia! 

Ir a lojas de decoração, então, nem se fala!

A nossa casa é onde temos as melhores memórias, desde momentos em família e amigos até o melhor fim de semana da vida sem sair para nada, só assistindo nossas séries e filmes favoritos e comendo muita besteira.

Mas a verdade é que podemos perder nossa casa em um instante! Basta esquecer de pagar algumas parcelas e pronto… O banco está batendo na porta pedindo a chave.

Como sabemos que essa é uma das piores sensações do mundo, viemos te dar algumas dicas sobre o que fazer para não atrasar as parcelas do seu imóvel.

Vamos lá?

Tenha consciência do valor da parcela

Geralmente, o valor da parcela de um imóvel é bem considerável, mas às vezes esquecemos. 

Vamos nos perdendo em meio a um milhão de coisas para fazer e comprar e, no fim, parece que ela se tornou insignificante, ou seja, “esquecível”.

Volte a se conectar com aquela parcela! Reative a paixão de vocês 😂 É sério! Pegue o boleto, olhe para o valor dele com carinho e pense: “É você que me mantém no melhor lugar do mundo: minha casa”.

Depois de refletir sobre a importância de pagar em dia, com certeza a sua memória não vai mais te passar a perna (ou pelo menos diminuir a frequência com que isso acontece).

Planejamento financeiro, sempre!

Todos os nossos passos sempre devem ser guiados pelo planejamento financeiro. Ele é muito importante! Não só para termos consciência do que ganhamos e gastamos, mas para direcionarmos melhor nosso dinheiro, investir, alcançar a sua liberdade financeira, manter o controle e realizar sonhos!

Se você entendeu a importância, mas não tem ideia de como organizar o seu orçamento pessoal, nós preparamos um texto no nosso blog com 5 ferramentas que vão te ajudar nesse job

Um orçamento pessoal tem várias “partes”, mas, para esse caso, vamos pensar somente em uma – os gastos essenciais – porque é dela que a parcela do seu imóvel faz parte.

Nesse item, você coloca todos os seus gastos: água/luz/gás, alimentação, plano de saúde e, claro, a parcela do imóvel.

Quando fazemos esse planejamento, é como se esse dinheiro não estivesse mais disponível para N-A-D-A.

Vamos supor que você ganhe R$2.500/mês. Seus gastos, como um todo, somam R$1.000. Ou seja: quando receber, você só terá R$1.500 (que deve ser dividido entre reserva de emergência e investimentos, mas esse é um papo para outro post).

Mantenha esse valor ali, paradinho ❌ Combinado?

Isso vai te preparar para a próxima dica!

Coloque no débito automático

Se houver essa possibilidade, coloque a sua parcela no débito automático! Se mantiver o combinado da dica passada, não precisa ficar preocupado. Tendo dinheiro em caixa para efetuar o pagamento, está tudo certo 😉

E o melhor: sem chance alguma de atrasar o pagamento.

Use a tecnologia

Afinal, ela está aí para nos ajudar mesmo! Use e abuse de aplicativos de agenda e lista de tarefas.

Muitos apps nesse estilo possuem a função de programar avisos sobre eventos que se repetem. Ou seja, se a sua parcela vence no dia 5, você programa para que todo mês, no dia 5, haja um aviso: “Dia de pagar a parcela do apê!”. 

Existem vários, como o Google Agenda, Google Tarefas, DigiCal… É só escolher o mais fácil para você!

Você pode usar essa dica tanto para lembrar de pagar a parcela caso não haja a possibilidade de cadastrar no débito automático, quanto para lembrar que aquele dinheiro vai ser debitado da sua conta 😉

Mas dá para se organizar sem ela também!

O velho e bom papel com caneta nunca vai morrer. Então é claro que você pode colocar o famoso aviso na geladeira, na porta do quarto e até no espelho do banheiro.

Tudo vale quando estamos falando de mantermos o nosso lar em segurança!

Gostou dessas dicas? Então corre ver os nossos outros textos! Tem vários conselhos valiosos para que a sua vida financeira fique cada vez mais fácil 😉

QuiteJá

Uma plataforma que nasceu para resolver suas pendências financeiras de maneira segura e sem burocracia. Tem alguma dúvida? Converse com a gente nos comentários!

Deixe o seu comentário!